Notícias

Apresentação do projeto de gestão de pessoas por competências pela FDC é aberto a debates e sugestões

Será realizada nesta quarta-feira (25), a partir das 10 horas, no auditório do Tribunal de Contas, a exposição pela Fundação Dom Cabral (FDC), consultoria contratada pela Corte, sobre o projeto da nova política de gestão de pessoas do TCE, dentro do modelo de gestão por competências.

Todos os servidores estão convidados para participar do evento no auditório, onde será detalhado o passo a passo do projeto, incluindo, entre outros pontos, seu objetivo, escopo de cada etapa, cronograma e benefícios que serão gerados tanto aos servidores quanto à gestão do Tribunal como um todo.

Dentro do processo participativo que tem marcado essa nova dinâmica na Corte, os servidores também poderão fazer questionamentos, sugestões, dando desse modo sua fundamental contribuição a esse processo.

O evento, dado seu caráter, terá sua entrada restrita aos servidores do Tribunal de Contas.

EXPECTATIVAS

Em sintonia com o Plano Estratégico do Tribunal de Contas, o projeto de implantação da política de gestão de pessoas por competências representa um esforço do órgão para promover uma nova cultura de gestão de pessoas, alinhando as expectativas individuais de cada servidor com as da instituição.

Busca-se, nesse contexto, remodelar e modernizar profundamente vários subsistemas de gestão de pessoas, passando ainda pela intenção de se fazer o redesenho do subsistema de gestão do desempenho, bem como do plano de cargos, carreiras e remuneração.

Nesse sentido, esta semana está sendo especialmente marcada por ações de cunho interno com foco na nova política de gestão de pessoas no TCE, a exemplo do curso Gestão por Competências, aberto nessa segunda-feira (23) e ministrado pela Sônia Cerqueira.

Além disso, haverá nesta terça-feira (24) encontro dos profissionais da Fundação Dom Cabral com a Presidência da Corte e os integrantes da Comissão de Gestão de Pessoas por Competências.

Essas ações culminam com a apresentação desta quarta-feira para todos os servidores, integrando assim o novo modelo de gestão de pessoas do TCE, o qual se constitui em uma construção participativa e coletiva, na qual membros, servidores e a empresa contratada atuam como parceiros. Por isso a importância do envolvimento dos servidores do Tribunal no projeto, participando ativamente de todas as ações e discussões, bem como conhecendo e se informando a respeito do assunto.

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo
Fechar