Sem categoria

Prefeito expõe situação de contrato de limpeza urbana durante visita ao TCE

O prefeito de Porto Velho, Roberto Sobrinho, juntamente com o procurador-geral do município, Mário Jonas Freitas Guterres, a controladora-geral Cricélia Fróes Simões e o secretário executivo Cléber Gonçalves, estiveram, nesta terça-feira (5), no Tribunal de Contas (TCE-RO), para uma visita protocolar.

A comitiva foi recebida pelo presidente em exercício da Corte de Contas, conselheiro Valdivino Crispim de Souza, no Gabinete da Presidência. Durante a audiência, o prefeito aproveitou para prestar esclarecimentos ao presidente em exercício do TCE sobre a situação do serviço de limpeza urbana da Capital, cujo serviço de varrição é alvo de questionamento tanto no âmbito do Tribunal de Contas quanto no Judiciário.

Sobrinho lembrou que a limpeza urbana, de uma forma geral, e o serviço de varrição de ruas, em particular, têm implicação direta no cotidiano da população, merecendo, portanto, atenção dobrada da municipalidade, a fim de que não se torne um transtorno para o cidadão porto-velhense.

O prefeito ainda pediu a compreensão do Tribunal de Contas em relação à situação, explicando que já vem adotando medidas, a fim de solucionar os problemas anotados em relação ao serviço de varrição.

Depois de ouvir o gestor e seus assessores, o presidente em exercício do TCE, Valdivino Crispim, disse que a visita do chefe do Executivo da Capital para informar o Tribunal sobre o problema e possíveis soluções significa uma postura de relacionamento institucional bastante positiva.

O conselheiro ainda recomendou ao prefeito Roberto Sobrinho que esteja sempre em contato com o relator das contas do município, a fim de obter informações ou fazer os questionamentos necessários sobre a situação exposta. “O Tribunal de Contas tem como prática instruir seus jurisdicionados em todo tipo de situação relativa à administração pública”, concluiu.

Artigos relacionados

Botão Voltar ao topo
Fechar