Notícias

Programa Boas Contas apresenta no TCE exposição de peças e obras produzidas por reeducandos

Abrindo a semana de ações do Programa Boas Contas, uma iniciativa do TCE buscando fomentar junto aos servidores uma reflexão sobre princípios que norteiam a vida humana, entre os quais, quebra de paradigmas e mudança de atitudes em relação ao outro, está sendo realizada no “hall” de entrada da sede do Tribunal, em Porto Velho, exposição de trabalhos artesanais produzidos por reeducandos do sistema prisional de Rondônia.

Entre os produtos, há desde confecção em crochê, quadros, sofás e pufes de reaproveitamento de madeira, pneus e garrafas pet, até peças de cerâmica e madeira. Todo o material exposto é fruto do trabalho de reeducandos de penitenciárias como Vale do Guaporé, Aruana, Urso Panda e do Presídio Feminino.

Exposição de produtos artesanais no TCE
Exposição de produtos artesanais no TCE

Quem se interessar em adquirir as peças, obras e artesanatos em exposição no TCE pode fazê-lo pessoalmente, no local da exposição, com os representantes das entidades que trabalham nas atividades de ressocialização. Do que é produzido e vendido, parte é utilizada na reposição de material, outra parte vai para a unidade prisional e o restante para a família do reeducando.

Exposição de produtos artesanais no TCE
Exposição de produtos artesanais no TCE

Essas atividades, segundo a Secretaria de Estado de Justiça (Sejus), integram o projeto de reinserção social dos apenados, uma vez que possibilitam a eles a ocupação do tempo em que estão no regime fechado, proporcionando ainda uma qualificação.

Além disso, por meio dessas atividades artesanais, busca-se desafogar o sistema prisional, propiciando ao apenado uma oportunidade de trabalho ao retornar ao convívio com a sociedade.

MAIS AÇÕES

O projeto ainda conta com mensagens alusivas à temática expostos em painéis
O projeto ainda conta com mensagens alusivas à temática expostos em painéis

Além da exposição de produtos artesanais, que se estenderá ao longo desta semana, também foram disponibilizados no “hall” de entrada do Tribunal painéis com mensagens e frases alusivas à temática, enfocando não só a ressocialização, mas, principalmente, a possibilidade de recuperação e reabilitação do ser humano.

Ainda dentro do Programa Boas Contas, está programada para a próxima sexta-feira (23), no auditório, a realização de outras atividades, incluindo a participação dos reeducandos.

Na oportunidade, espera-se a presença e o envolvimento dos servidores, em face da importância desse programa para a assimilação de uma nova realidade, qual seja, o auxílio na recuperação humana, a partir da educação, do trabalho e de condições para que viva dignamente em seu retorno à sociedade.

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Verifique também

Fechar
Botão Voltar ao topo
Fechar