Notícias

Tô no Controle disponibiliza novas informações como Ideb, salário dos professores e investimentos em educação

Mais três importantes indicadores, relativos à qualidade do ensino (Ideb), salário dos professores e investimentos em educação, foram acrescentados ao Tô no Controle (acesse aqui), enriquecendo ainda mais o portal idealizado pelo Tribunal de Contas (TCE-RO) que apresenta dados e informações sobre diversas áreas dos 52 municípios, constituindo-se, assim, em um verdadeiro radiografia da realidade da administração pública municipal de Rondônia.

As novas atualizações integram o ícone “Educação”, que conta, entre outros, com informações compiladas do censo do Ministério da Educação (MEC) sobre essa área com riqueza de detalhes e gráficos explicativos, em conformidade com a Lei de Acesso à Informação (LAI). Alguns dados têm atualização mensal e outros são relativos a 2017, já que as informações de 2018 ainda estão sendo encaminhadas pelos municípios.

Os novos dados foram apresentados à Alta Direção da Corte pela equipe do Tô no Controle, integrada por servidores da Secretaria de Gestão Estratégica da Presidência (Secgep) e da Secretaria Estratégica de Tecnologia da Informação e Comunicação (Setic), e já estão disponibilizados ao cidadão.

Desse modo, ao clicar na opção “Educação”, é possível verificar informações como o Ideb (Índice de Desenvolvimento da Educação Básica) de cada município, se este alcançou ou não a meta estabelecida no Plano Nacional de Educação (PNE) para o período, o número de escolas participantes e, entre estas, o Ideb de cada uma delas.

SALÁRIOS

Já na aba “Professores da rede municipal”, foi acrescida opção relativa aos salários dos profissionais, divididos conforme a carga horária (20h, 30h e 40h), detalhando-se ainda, entre outros aspectos, o número de professores do município e o salário médio mensal base e bruto.

No tocante a esse item, pode-se, ainda, fazer comparações entre os municípios que melhor remuneram seus profissionais, assim como verificar o crescimento salarial ao longo dos anos de 2014 até 2016.

Outra opção disponibilizada são os investimentos do município na educação, informando-se, por exemplo, quanto cada ente municipal gasta com aluno matriculado; sua posição entre os municípios rondonienses relativamente aos gastos com educação; os gastos verificados na manutenção e desenvolvimento do ensino (MDE), subdivididos conforme o nível de ensino (infantil, fundamental, médio, superior e profissional).

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo
Fechar
Skip to content