intranet

Sistemática de Gestão de Desempenho é apresentada a membros e servidores do TCE

Como parte das ações que compõem a Gestão de Pessoas por Competências (GPC), iniciativa do Tribunal de Contas (TCE) em parceria com a Fundação Dom Cabral (FDC), foi apresentada neste mês, aos membros do Conselho Superior de Administração (CSA) e aos servidores, a Sistemática de Gestão de Desempenho.

As apresentações foram realizadas pelo consultor da FDC, professor Mário Wortmann. Para o CSA, a exposição ocorreu no Plenário, enquanto para os servidores foi realizada no auditório da Tribunal.

Mário Wortmann, da FDC, apresenta ao Conselho Superior de Administração a Sistemática de Gestão de Desempenho a ser implementada no TCE

Na oportunidade, o conselheiro presidente Edilson de Sousa Silva agradeceu a todos os agentes públicos (membros e servidores) que atuaram intensamente, por meio de debates e reflexões, na elaboração da Sistemática de Gestão de Desempenho (SGD) que se pretende para o Tribunal.

Explicou que a elaboração da SGD, ao dar cumprimento à determinação constitucional relativa ao princípio da eficiência, figura como ferramenta importante para o aprimoramento da gestão interna do Tribunal de Contas.

“Por isso, a importância da comunhão de esforços para fazermos uma Sistemática de Gestão de Desempenho de excelência, que seja modelo para o Estado e para o País”, disse o Presidente. Ressaltou, ainda, o compromisso e o comprometimento da Alta Direção de aprovar, junto aos Poderes Legislativos e Executivos, o Plano de Cargos, Carreiras e Remunerações (PCCR).

O MODELO

O modelo, desenvolvido de modo a contemplar as perspectivas de resultados e competências, é composto de 10 etapas: Planejamento, Treinamento, Acordo de Desempenho e de Desenvolvimento, Períodos de Acompanhamento e de “Feedback”, Avaliação, Devolutiva, Prazo para Recursos e Desdobramentos.

Entre essas, destaca-se o Acordo de Desempenho, que deverá promover a decomposição dos objetivos estratégico e tático em metas setoriais e individuais, de modo a subsidiar o planejamento, o monitoramento e a melhoria do desempenho dos servidores.

Todas as etapas serão executadas em sistema informatizado específico que facilitará a atuação de gestores e servidores. A implantação deverá ocorrer de forma paulatina, sendo prevista a execução de um ciclo completo para aprendizado e aperfeiçoamento da sistemática.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo
Skip to content