Sem categoria

Prefeito e presidente da Câmara consideram instalação do TCE um marco para Vilhena

O presidente do Tribunal de Contas do Estado de Rondônia (TCE-RO), conselheiro José Gomes de Melo, juntamente com os conselheiros Valdivino Crispim de Souza (vice-presidente) e Francisco Carvalho da Silva (ouvidor), foram recebidos, na última sexta-feira, na sede da Prefeitura de Vilhena, pelo prefeito Zé Rover e pelo presidente da Câmara Municipal, vereador Carmosino Taxista.

Tanto o chefe do Executivo vilhenense quanto o parlamentar foram unânimes em enfatizar a importância da instalação da Secretaria Regional de Controle Externo do TCE no município, não só para Vilhena, mas para as demais cidades localizadas no Cone Sul do Estado. “Para nós, que estamos recebendo o Tribunal de Contas no nosso município, é um marco, uma novidade que facilitará a vida de todo mundo”, disse Zé Rover.

A instalação do TCE no município, ainda de acordo com o chefe do Executivo, vai proporcionar agilidade nos processos e na própria administração municipal. “Há dúvidas que, às vezes, demoramos três meses para resolver. Com a vinda do Tribunal de Contas para cá, essas dúvidas vão ser tiradas em uma semana ou até menos”, exemplificou.

Já o presidente da Câmara de Vereadores, Carmosino Taxista, também admitiu a dificuldade, principalmente dos ordenadores de despesa, em relação a dúvidas relativas à legislação e às formas de fiscalização. “Nós que somos gestores precisamos muito do apoio do Tribunal de Contas, para nos aconselhar e orientar quanto a essas dificuldades”, afirmou o parlamentar.

Após ouvir as declarações do prefeito e do vereador, o presidente do TCE, José Gomes, explicou que a proximidade física da instituição com os jurisdicionados, além de propiciar resultados práticos e rápidos na prestação de informações, facilitará as demais tratativas próprias do relacionamento mais direto com os fiscalizados.

“Com a instalação das regionais, e a de Vilhena será a nossa primeira, o Tribunal de Contas desconcentra suas atividades, torna-se mais próximo de seus jurisdicionados e também da sociedade, possibilitando maior acesso dos cidadãos ao órgão de controle”, ressaltou o conselheiro presidente.

REGIONAL

Primeira Regional do Tribunal de Contas a ser instalada no interior do Estado, a unidade fiscalizadora de Vilhena vai atender, além do município-sede, mais seis cidades: Cabixi, Cerejeiras, Chupinguaia, Colorado do Oeste, Corumbiara e Pimenteiras, beneficiando uma região onde moram quase 130 mil pessoas.

Além de Vilhena, o TCE instalará unidades regionais em Cacoal (com previsão de inauguração para o terceiro trimestre deste ano), Ariquemes (em fase de projeto), Ji-Paraná e São Miguel do Guaporé.

Clique na imagem acima para conferir a galeria de fotos.

Artigos relacionados

Botão Voltar ao topo
Fechar