Sem categoria

Conselheiros do Fundeb aprovam Seminário de Orientação realizado pelo TCE em Ouro Preto

Membros de Conselhos do Fundo de Manutenção e Desenvolvimento da Educação Básica e de Valorização dos Profissionais da Educação (Fundeb) e servidores das áreas de controle interno e contabilidade de 13 municípios participaram do Seminário de Orientação realizado em Ouro Preto do Oeste pelo Tribunal de Contas (TCE-RO), com organização da Escola Superior de Contas (Escon).

Iniciado na última quinta-feira (5), o seminário encerrou-se nessa sexta-feira (17), com um total de 16 horas-aula. Para realizar o evento – que em sua primeira etapa em Vilhena, nos dias 2 e 3, reuniu participantes de nove municípios –, o TCE contou com a parceria do Ministério Público estadual, por meio da Promotoria de Justiça da Comarca de Vilhena, e das Câmaras Municipais de Vilhena e Ouro Preto.

Falando aos participantes no encerramento oficial do seminário, o conselheiro-substituto Davi Dantas, que ministrou o curso juntamente com o assessor da Escon, Cláudio Uchôa, agradeceu a participação dos conselheiros do Fundeb e servidores municipais, bem como os parceiros na realização do evento.

Para Davi Dantas, o seminário serviu não só para capacitar os participantes, mas também conhecer um pouco da realidade vivida pelos conselheiros do Fundeb em seu dia a dia. “É preciso que os conselheiros saibam que sua atuação é essencial para assegurar a boa aplicação dos recursos públicos destinados à educação no município”, disse.

Nessa sexta-feira, último dia do evento, os conselheiros do Fundeb, além de tirarem dúvidas, participaram de dinâmicas e exercícios práticos. Eles aprovaram a realização do TCE: “Durante esses dois dias recebi informações que nunca pensei que saberia. E certamente esse conhecimento me será muito útil nas atividades no conselho”, disse o professor Jaconias Venâncio, que é conselheiro do município de Vale do Paraíso.

Conselheira do Fundeb do município de Mirante do Serra, Maria Duarte lamentou o fato de não ter participado de edições anteriores da capacitação oportunizada pelo TCE-RO: “As pessoas que querem ser conselheiras e exercerem bem seu papel, deveriam, necessariamente, passar por essa capacitação. Agradeço muito ao Tribunal”.

CORTE CIDADÃ

Encerrando também sua programação no interior, o programa Corte de Contas Cidadã teve uma apresentação em Ouro Preto do Oeste, na Escola Monteiro Lobato. O palestrante Claudio Uchôa, além de repassar noções de cidadania, ética e responsabilidade social, explicou aos estudantes o que é o Tribunal e suas funções como órgão fiscalizador dos gastos públicos, bem como a forma como podem auxiliá-lo em sua missão institucional. Também foi abordada a Ouvidoria do TCE, por meio de apresentação feita pela servidora Ana Lúcia da Silva.

Artigos relacionados

Botão Voltar ao topo
Fechar