DestaqueTCE-RO

Inédita, marca do TCE-RO é fruto de longo processo de estudos

A criação da marca do Tribunal de Contas envolveu mais de três meses de profundas pesquisas e estudos que revelaram a necessidade de padronização e de uma identidade única e própria para o TCE-RO.

Homologado pelo Conselho Superior de Administração (CSA), órgão do Tribunal de Contas, o processo de construção da marca foi realizado de modo colaborativo, com a participação de membros e servidores em todas as suas fases.

Inspirada em símbolos oficiais do Estado de Rondônia, como a Bandeira e o Brasão, o padrão de cores usado na marca guarda simbologia e sintonia com os valores idealizados pelo próprio TCE-RO.

As cores principais, por exemplo, são o verde, relacionado a conceitos como crescimento, equidade, esperança e vida, e o azul, que representa segurança, criatividade e compreensão. Como apoio, o amarelo, que, para além da riqueza, representa a alegria e o otimismo, e o branco que tem forte relação com a paz e a pureza.

Outro símbolo importante que compõe a marca é a representação gráfica das sedes do TCE-RO. Nesse caso, além da legitimidade, outros conceitos são explorados, como a territorialidade e a própria acessibilidade ao cidadão, já que é de fácil identificação e reconhecimento.

SLOGAN E ABREVIATURA

Integram, de forma harmônica, a marca duas construções iconográficas de relevo. A primeira é o slogan – “em ação, mais cidadania” –, que remete, primordialmente, ao processo de empoderamento do cidadão, destinatário final das ações do Tribunal de Contas.

De modo robusto, conceitua o que a sociedade exige da Instituição: um serviço de controle efetivo, que resulte na melhoria da qualidade dos serviços prestados à população pelo Poder Público em suas diversas áreas.

Já a abreviação do nome do Tribunal de Contas do Estado de Rondônia – TCE-RO – expressa o respeito à tradição e o alinhamento à contemporaneidade da própria estrutura de organização estatal, ao assegurar a devida importância à abreviatura do Estado (RO), representando, assim, o próprio povo rondoniense.

Artigos relacionados

Verifique também
Fechar
Botão Voltar ao topo
Pular para o conteúdo