Sem categoria

MP de Contas participa de inspeção no João Paulo II

O Ministério Público de Contas, juntamente com os Ministérios Públicos Federal, Estadual e do Trabalho, fizeram, no último dia 12, uma inspeção na farmácia do Pronto-Socorro João Paulo II, com a finalidade de averiguar o sistema de controle de remédios e materiais de penso, no tocante, especialmente, à eficiência dos procedimentos.

Devido ao método de controle atual ser precário, pois é feito manualmente, e diante da impossibilidade da checagem dos números de remédios apresentados pelo Pronto-Socorro em relação à quantidade, validade e variedade de remédios, servidores do MP de Contas fizeram a contagem por amostragem dos medicamentos, visando análise e apuração dos dados coletados no local.

De acordo com a procuradora-geral do MP de Contas, Érika Patrícia Saldanha de Oliveira, durante a inspeção pode-se observar a falta de armazenamento e separação adequada dos medicamentos especiais e um alto número de devoluções diárias à farmácia de remédios destinados aos pacientes, fato que, segundo a direção do hospital, acontece por causa de falecimento, impotência de medicação ou alta do paciente.

A procuradora-geral aproveitou também para esclarecer que a parceria do MP de Contas com os Ministérios Públicos Federal, Estadual e do Trabalho revela-se de suma importância ao fortalecimento dos órgãos de controle, na medida em que tornam as ações fiscalizatórias mais eficientes.

Clique na imagem acima para conferir a galeria de fotos.

Artigos relacionados

Botão Voltar ao topo
Fechar