Sem categoria

Recursos do Promoex proporcionam investimentos em informática no TCE

O Tribunal de Contas de Rondônia (TCE-RO) será contemplado com novos equipamentos de informática, entre os quais computadores de mesa e portátil, telas de projeção e impressoras. Essas aquisições visam dar melhores condições de trabalho aos servidores, objetivando o aprimoramento dos serviços prestados aos jurisdicionados e à comunidade em geral.

O investimento em informática será realizado com recursos do Programa de Modernização do Sistema de Controle Externo (Promoex), que tem como prioridade fortalecer os Tribunais de Contas que atuam nos estados, Distrito Federal e municípios, principalmente através da capacitação de pessoal, introdução de novos procedimentos e sistemas organizacionais e investimentos em informática.

Dentro do cronograma de atividades elaborado para o TCE de Rondônia neste ano, o Promoex contemplará mais duas ações: a contratação de uma consultoria para traçar o Plano Estratégico de Tecnologia da Informação (TI) e a confecção de 23 mil novas cartilhas com o tema “O Tribunal de Contas, o que é e o que faz”. Essas cartilhas servirão de material didático a ser entregue aos estudantes de ensino médio de escolas do Estado, por ocasião de palestras desenvolvidas pelo projeto Corte de Contas Cidadã.

Segundo o coordenador-geral da Unidade Executora Local do Promoex (UEL/TCE-RO), Adão Franco, essas diretrizes e assuntos foram tratados durante reunião do Comitê Deliberativo do Promoex, realizada no dia 29 de julho, e que serviu para avaliar o andamento geral do programa e discutir as perspectivas de curto, médio e longo prazos.

Ainda conforme Adão Franco, a reunião serviu também para discutir a prorrogação de prazos de execução com a renovação dos convênios entre o Ministério do Planejamento, Orçamento e Gestão (MPOG) e os Tribunais de Contas, por diversas razões, entre elas o período eleitoral deste ano.

No encontro foi anunciada a realização de uma avaliação em curso do Banco Interamericano de Desenvolvimento (BID) – instituição financiadora do Promoex – a respeito da execução do Programa. O resultado será apresentado em futuras reuniões do Comitê.

Participaram da reunião o secretário de Gestão do MPOG, Tiago Falcão, que presidiu o encontro, o presidente da Associação Nacional dos Tribunais de Contas (Atricon), Salomão Ribas Junior, os representantes do Instituto Rui Barbosa (IRB) no comitê, Sérgio Gadelha Vieira e Manoel Castro, a diretora nacional do Promoex, Heloísa Garcia Pinto, e o diretor do Departamento de Programas de Cooperação Internacional em Gestão Pública do MPOG, Luiz Carlos Padilha.

Artigos relacionados

Verifique também

Fechar
Botão Voltar ao topo
Fechar