Sem categoria

Gestão de pessoas por competência é tema de palestra no TCE

Agentes públicos do Tribunal de Contas de Rondônia (TCE-RO), como conselheiros, conselheiros-substitutos, procuradores do Ministério Público de Contas (MPC) e servidores, participaram nesta quinta-feira (20) de palestra ministrada pela professora Sonia Goulart, com o tema Gestão de Pessoas por Competência, marcando, assim, o início do processo de implantação e desenvolvimento da nova política de gestão de pessoas da Corte.

O evento, que lotou o auditório do TCE, teve, na abertura, pronunciamento do conselheiro presidente José Euler Potyguara Pereira de Mello, que, entre outros pontos, abordou a importância do projeto para o alcance da missão constitucional do Tribunal de Contas, em sintonia, portanto, com seu Plano Estratégico, ao tornar possível a valorização do servidor, por meio da gestão e do desenvolvimento das pessoas com foco, critério e nitidez.

Para tanto, segundo o conselheiro Euler, é preciso o envolvimento de todos, especialmente dos servidores, a fim de que os ensinamentos, as conclusões e os conhecimentos repassados e apreendidos em eventos, como a palestra desta segunda-feira, multipliquem-se, proporcionando a melhoria da gestão de pessoas e a compreensão mais ampla do projeto desenvolvido pelo TCE.

Também o conselheiro Wilber Carlos dos Santos Coimbra, presidente da Escola Superior de Contas (Escon), setor responsável pela organização do evento, abordou, em sua fala, a preocupação do TCE em valorizar seu capital humano, destacando, nesse processo, a sensibilização do servidor e a capacitação. Ainda em alusão ao tema da palestra, também foi declamada, pelo servidor Paulo Lacerda, poesia de sua autoria.

COMPETÊNCIA

Consultora e professora da Escola Nacional de Administração Pública (Enap), a palestrante Sonia Goulart iniciou sua explanação com ampla abordagem sobre a gestão por competência, relembrando a mudança ocorrida no serviço público, a partir da utilização desse modelo, exemplificando, quando necessário, com casos que buscavam transmitir as ideias de forma clara.

Especificamente quanto ao TCE-RO, a professora explicou que o projeto de gestão de pessoas por competência envolverá, de modo cíclico, desde o mapeamento de competências e avaliação da capacidade gerencial até o desenvolvimento de habilidades, visando ampliar a capacidade individual para assumir atribuições em níveis crescentes de complexidade na instituição e estimular o autodesenvolvimento e o aprendizado contínuo do servidor.

Além da palestra, o projeto de gestão de pessoas por competência do TCE-RO tem, como atividade de capacitação, uma oficina, que é realizada desde a última terça-feira (18) e cujo encerramento ocorre nesta quinta-feira à tarde, nas dependências da Corte.

Artigos relacionados

Botão Voltar ao topo
Fechar