Sem categoria

TCE quer interiorizar para melhorar relação com a sociedade

A interiorização do Tribunal de Contas do Estado (TCE-RO) vai melhorar o trabalho desenvolvido pelo próprio órgão, com presença física maior junto aos jurisdicionados, agilizando procedimentos e reduzindo custos operacionais, disse nesta sexta-feira o presidente José Gomes de Melo

Em companhia do corregedor-geral do TCE-RO conselheiro Valdivino Crispim, o presidente José Gomes visitou os municípios de Vilhena, Cacoal e Ji-Paraná no início desta semana, citando que em Cacoal foram iniciados entendimentos para a concessão de uma área, o mesmo acontecendo em Ji-Paraná.

Com o prefeito Marlon Donadon, em Vilhena, o presidente e o corregedor do TCE-RO estiveram na área já definida para sediar a futura superintendência do Tribunal, enquanto em Cacoal a prefeita Suely Aragão e o presidente da Câmara Luiz Carlos Katatau se dispuseram agilizar procedimentos na questão da área e, em Ji-Paraná, o vice-prefeito Assis Canuto vai encaminhar a questão ao titular José Bianco tão logo este retome o cargo.

“Em Vilhena, com apoio da prefeitura, já temos um trabalho mais adiantado, haja vista ter sido disponibilizada ao Tribunal uma área na região institucional para que possamos construir ali nossa superintendência que irá atender os sete municípios do cone-sul do Estado”, disse o presidente.

A interiorização das ações do TCE-RO, criando superintendências regionais é um dos programas que vêm sendo propostos pelo Tribunal como forma de estar mais próximo à população, “que será a grande beneficiária do que se pretende”, explicou o corregedor Valdivino Crispim.

Artigos relacionados

Botão Voltar ao topo
Fechar