Sem categoria

Presidente do TCU a favor de parcerias

O presidente do Tribunal de Contas da União, ministro Walton Alencar Rodrigues, disse ser favorável às parcerias e à troca de informações dos Tribunais de Contas e órgãos fiscalizadores da questão ambiental, com vistas à preservação da natureza e à melhoria da qualidade de vida do Planeta.

Durante sua exposição na abertura do Painel Amazônico, nesta segunda-feira, ele fez uma espécie de prestação de contas dos trabalhos realizados pelo TCU na área ambiental, citando que várias iniciativas geradas a partir daí, já foram levadas a efeito, “de maneira favorável ao meio, ambiente, todavia resta uma longa estrada a ser percorrida nessa área”.

Para o ministro Walton Rodrigues, “O grande desafio que se apresenta na atualidade, nos mais diversos segmentos da sociedade, públicos e privados, é compatibilizar as imprescindíveis ações de desenvolvimento econômico-social com a preservação da natureza”.

Depois de elogias a proposta do TCE rondoniense, de realizar um grande debate sobre a questão de auditoria ambiental, com enfoque na Amazônia, o presidente do TCU disse que a estratégia do Tribunal para o controle de gestão ambiental tem duas premissas, sendo a ação do poder público visando a qualidade ambiental e o equilíbrio ecológico e, também, a promoção do desenvolvimento socioeconômico compatível com a preservação da qualidade ambiental e do equilíbrio ecológico.

Ainda em seu pronunciamento, o presidente do Tribunal de Contas da União lembrou que já em 1972 a Conferência das Nações Unidas sobre Meio Ambiente Humano, em Estocolmo, estabeleceu as primeiras tratativas internacionais a respeito do assunto, mas lembrou que, 36 anos depois, o cenário ambiental mudou, agravou-se, gerando a necessidade de novos instrumentos de gestão ambiental e o respectivo controle das ações.

Artigos relacionados

Botão Voltar ao topo
Fechar