Sem categoria

Conselheiros conhecem as atividades do Exército na Amazônia

Os conselheiros do Tribunal de Contas do Estado de Rondônia (TCE-RO), José Gomes de Melo (presidente), Francisco Carvalho da Silva, Paulo Curi Neto e Wilber Carlos dos Santos Coimbra, a procuradora-geral do Ministério Público de Contas, Érika Patrícia Saldanha de Oliveira, e o secretário-geral de Controle Externo, Luiz Gomes da Silva Filho, foram recepcionados, ontem (13), pelo general Artur Costa Moura, comandante da 17ª Brigada de Infantaria de Selva – Forte Príncipe da Beira, em Porto Velho. De acordo com o presidente, foi uma retribuição à visita que o general havia feito ao Tribunal recentemente.

Na oportunidade da visita à Brigada, os conselheiros conheceram parte das dependências do quartel, como o Salão de Honra, onde são recepcionadas as autoridades. Durante a recepção, o general Artur Moura disse que antes de vir para Porto Velho, atuava na Assessoria Parlamentar do Exército, em Brasília, junto à Câmara Federal. “Nossa função em Brasília era fazer a ligação entre o Exército e a Câmara e o Senado”, explicou.

Logo após, o comandante fez uma apresentação à comitiva do TCE, enfatizando as atividades do Exército Brasileiro, suas missões, bem como sua atuação na Amazônia. Os conselheiros tiveram a oportunidade de conhecer o trabalho desenvolvido pelo Exército no Brasil, e no exterior, como as missões de paz em Angola, Moçambique, Timor Leste e, mais recentemente, no Haiti.

O general também explanou sobre as atividades do Exército como agente de segurança nas eleições do Rio de Janeiro, em 2008. “Em ocasiões como essa, o Exército é chamado para auxiliar no trabalho desempenhado pelas polícias Civil e Militar”, informou.

FRONTEIRA

Na Amazônia, o Exército participa ativamente da segurança nas fronteiras e, no caso do 5º Batalhão de Engenharia de Construção (BEC), da recuperação e abertura de rodovias. O caso mais recente, como expôs o general, é a recuperação da BR-319, que liga Porto Velho a Manaus (AM). O comandante da 17ª Brigada também falou da atuação do Exército na área de saúde.

Durante a palestra o general Artur Moura também respondeu aos questionamentos feitos pelo conselheiro Paulo Curi, em relação ao efetivo atual. De acordo com o militar, atualmente o contingente do Exército é de 200 mil homens.

Após a explanação, os conselheiros, procuradora-geral do MP de Contas e o secretário-geral de Controle Externo participaram de um almoço oferecido pelo general Artur Moura, nas dependências da 17ª Brigada.

Artigos relacionados

Verifique também

Fechar
Botão Voltar ao topo
Fechar