Sem categoria

Prefeito de Ji-Paraná entrega ao TCE escritura do terreno para construção da sua regional

O prefeito de Ji-Paraná, José de Abreu Bianco, entregou ao presidente do Tribunal de Contas (TCE-RO), José Gomes de Melo, a escritura pública definitiva do terreno onde a Corte construirá sua Secretaria Regional de Controle Externo. O ato foi realizado nesta segunda-feira (18), durante a solenidade de abertura do curso para conselheiros do Fundeb, no Hotel Maximus, em Ji-Paraná.

Além do prefeito Bianco e do presidente José Gomes, estavam presentes o vice-presidente do TCE, conselheiro Valdivino Crispim de Souza, e o vereador Marcos Rogério, representando a Câmara de Vereadores de Ji-Paraná, cujos parlamentares aprovaram a lei de doação do terreno para a construção do prédio da Regional.

Na oportunidade, Bianco falou dos benefícios que os jurisdicionados do polo de Ji-Paraná terão a partir da instalação do TCE na região. “Ter o Tribunal de Contas fisicamente instalado aqui é uma honra e, ao mesmo tempo, uma grande vantagem, pois proporcionará a nós, gestores, redução de custos com deslocamento, diárias e outras despesas”, diz.

Para o chefe do Executivo ji-paranaense, a presença do Tribunal de Contas será importante para fazer com que haja mais acertos e menos erros na administração pública dos municípios fiscalizados pela unidade regional que será construída: “O processo tende também a ficar mais transparente e ágil”, lembra.

Já o presidente José Gomes enalteceu o esforço do prefeito e dos vereadores de Ji-Paraná na doação do terreno para que o TCE possa construir sua regional. “O prefeito Bianco e os vereadores entenderam a importância de ter o Tribunal de Contas em seu município, trazendo benefícios para os jurisdicionados e a sociedade dessa importante região”, disse.

O conselheiro presidente aproveitou, ainda, para comentar sobre a evolução do processo de interiorização, iniciado com a inauguração da Regional de Vilhena, em maio deste ano, e que contempla ainda unidades em Cacoal (que será inaugurada no primeiro trimestre de 2011), Ariquemes (o projeto arquitetônico já foi definido), Ji-Paraná e São Miguel do Guaporé.

“Essa interiorização atende premissa do Programa de Modernização dos Tribunais de Contas, Promoex, após detectar, através de pesquisa, que os Tribunais ficavam nas capitais de costas para a sociedade. E que maneira melhor de acabar com esse isolamento do que se instalar no interior, aproximando-se do jurisdicionado e da sociedade”, explicou.

LOCALIZAÇÃO

Além de Bianco, assina a escritura pública o governador do Estado, João Cahulla, já que o terreno foi doado para o Estado, a fim de que o TCE construa nele sua regional. O terreno tem 3.000 metros quadrados e fica localizado no bairro Jardim Aurélio Bernardi, no 1º Distrito de Ji-Paraná.

Na tarde desta segunda-feira, o presidente José Gomes, o vice, Valdivino Crispim, e o auditor Davi Dantas da Silva visitaram o terreno. Na oportunidade, também estiveram presentes o secretário de Obras e Serviços Públicos de Ji-Paraná, Assis Canuto, e seu diretor Crispim Bispo Reis dos Santos.

Além do município-sede, a Secretaria Regional de Ji-Paraná atenderá mais 12 cidades: Alvorada do Oeste, Governador Jorge Teixeira, Jaru, Mirante da Serra, Nova União, Ouro Preto do Oeste, Presidente Médici, Teixeirópolis, Theobroma, Urupá, Vale do Paraíso e Vale do Anari.

Artigos relacionados

Botão Voltar ao topo
Fechar