Sem categoria

Abop apresenta 1º relatório de monitoramento do Plano Estratégico do TCE para 2011/15

A primeira das quatro fases do trabalho de consultoria executado pela Associação Brasileira de Orçamento Público (Abop) para o monitoramento da operacionalização do Plano Estratégico do Tribunal de Contas (TCE) para o período 2011/15 diagnosticou, entre outras situações, a necessidade de ajustes objetivando o refinamento de alguns pontos da peça de gestão estratégica.

O relatório da primeira fase do monitoramento, encerrada em fevereiro, foi apresentado pelos consultores da Abop, Flávio Popinigis e Tomás Menendez Rodriguez, aos membros e servidores do TCE. O documento é fruto dos levantamentos e análises críticas realizados pelos profissionais, que identificaram dificuldades, evoluções e destaques do Plano Estratégico.

O trabalho feito pela Abop identificou algumas dificuldades internas em relação à implementação do Plano Estratégico, entre os quais atrasos na execução de projetos e problemas com o preenchimento adequado e o fluxo de informações na Plataforma Channel, sistema informatizado que gerencia e acompanha as ações do Plano.

Como as metas estabelecidas são referentes ao período 2011/15, os consultores sugerem seu desdobramento em espaços de tempo menores, a fim de permitir o acompanhamento e o controle do seu alcance.

O relatório traz, ainda, pontos de destaque do Plano, como bem estruturado conjunto de objetivos estratégicos, alinhados ao alcance da missão e visão de futuro; mapa estratégico claro e de fácil entendimento; e indicadores de resultados e metas estabelecidos, precisando, apenas, de ajustes.

O trabalho de consultoria tem continuidade neste mês de março. Entre as ações previstas estão a mensuração dos indicadores implantados, a identificação das oportunidades de melhorias e novos cursos de capacitação para os servidores.

Artigos relacionados

Botão Voltar ao topo
Fechar