Sem categoria

TCE sedia e participa do Seminário Pré-Cheia 2012

O Tribunal de Contas do Estado (TCE-RO) recebe, nesta quinta (15) e sexta-feira (16), o Seminário Pré-Cheia 2012, organizado pelo Sistema de Proteção da Amazônia (Sipam). O evento, que é voltado aos gestores e servidores de órgãos públicos, aos acadêmicos e à sociedade em geral, traz como tema central “Adaptação às novas dinâmicas dos rios na Amazônia Ocidental Sul”.

Em sua quinta edição, o seminário é realizado no momento que antecipa o período de cheia, que ocorre entre os meses de março e maio. Assim, ao se realizar o evento nessa época, é possível traçar cenários e se precaver quanto aos problemas ocasionados pela elevação das águas.

Durante os dois dias, especialistas no assunto irão debater as mudanças climáticas relacionadas à construção das usinas do rio Madeira, suas consequências e possíveis adaptações sofridas pela sociedade.

Segundo a coordenadora de operações do Sipam e responsável pelo evento, Ana Cristina Strava, o objetivo do seminário “é o de reunir todos os segmentos da sociedade para o debate sobre as cheias, abordando, em um enfoque específico, como as construções das usinas no Madeira irão colaborar para tais mudanças”.

PALESTRAS

Entre outros temas a serem abordados, estão: Estudos de mudanças climáticas; Meteorologia em Rondônia; Programas de adaptação às mudanças climáticas; e Segurança de Barragens.

Dentre os palestrantes está o professor da Universidade Federal de Alagoas, Luiz Carlos Molion, que ganhou notoriedade nesse segmento ao defender a inexistência do aquecimento global.

O Tribunal de Contas participa do seminário através do Departamento de Controle Ambiental (DCA). O chefe da Divisão de Monitoramento e Fiscalização do DCA, Henrique Bernini, vai palestrar no segundo dia, discorrendo sobre o tema “Probacias em Rondônia: projeto de proteção aos mananciais de abastecimento”.

O diretor do DCA, Manoel Neto, ressaltou a importância da realização do evento para o debate da questão climática e ambiental do Estado. “Desta forma, pretendemos demonstrar o que pode ser feito acerca das mudanças que ocorrerão em nosso Estado, ampliando conhecimento por meio dos debates”, disse.

Artigos relacionados

Botão Voltar ao topo
Fechar