Sem categoria

TCE-RO compõe comissão nacional para desenvolver software de auditoria comum entre os TCs

O Tribunal de Contas de Rondônia (TCE-RO) foi escolhido para compor a equipe nacional responsável pelo desenvolvimento um sistema informatizado de auditoria comum entre as Cortes de Contas de todo o país. Essa definição foi tomada durante encontro nacional que reuniu cerca de 40 técnicos das áreas de auditoria e tecnologia da informação (TI) de 21 Tribunais de Contas do Brasil.

Realizado no auditório do Ministério do Planejamento, Orçamento e Gestão (MPOG), em Brasília, o evento foi uma iniciativa do Instituto Rui Barbosa (IRB) e do MPOG, em parceria com a Associação dos Membros dos Tribunais de Contas do Brasil (Atricon) e o Banco Interamericano de Desenvolvimento (BID).

No encontro, foram apresentados aos TCs sistemas de auditoria de quatro empresas internacionais. Também foram apresentados programas que já vêm sendo desenvolvidos e outros já implementados em TCs, optando-se, após ampla discussão, pela formação de uma equipe nacional composta por representantes de sete Tribunais de Contas para o desenvolvimento próprio do programa de auditoria.

Segundo o secretário de Informática do TCE-RO, servidor Marcelo Rech, a composição da equipe que desenvolverá o software comum para os TCs levou em conta Tribunais que já tinham programas informatizados de auditoria desenvolvidos ou em estágio avançado de desenvolvimento, como é o caso da Cortes de Contas rondoniense em relação ao Sistema Integrado de Gestão e Auditoria Pública (Sigap), Módulo Fiscalização.

O programa, segundo Rech, foi customizado pelo TCE de Rondônia a partir do sistema Fiscalis, disponibilizado pelo Tribunal de Contas da União (TCU). “Com o Sigap Fiscalização foi possível ao nosso Tribunal efetuar, no exercício passado, três auditorias-piloto em municípios do interior”, relatou.

De acordo com o cronograma estabelecido pelo IRB, nova reunião será marcada, visando a deflagração oficial do processo de desenvolvimento do sistema comum de auditoria dos TCs, considerado fundamental para a padronização desses procedimentos, desde a fase de planejamento até o monitoramento, especialmente no que se refere a papéis de trabalho, matrizes e relatórios.

Artigos relacionados

Botão Voltar ao topo
Fechar